Vivem apenas com 50 euros mensais

isaura
Esta foi uma grande reportagem feita pelo Jornal Q em que com os dias de hoje cada vez mais pessoas vivem na miséria e é o caso deste casal que vive com uns míseros 50 euros mensais

“Batemos à porta de Isaura Teixugueira, no bairro das Lages, e com um sorriso no rosto mandou-nos entrar, dando-nos conta da falta de recursos e dignidade humana, numa habitação em tijolos, e sem uma casa de banho.

O marido de Isaura não estava em casa, saiu de manhã com o rebanho e só volta depois do pôr-do-sol.

O casal sobrevive sem um único apoio, está fora dos programas sociais, não recebe o Rendimento Social de Inserção, não tem ajuda dos vizinhos e o pouco dinheiro, cerca de 50 euros por mês, é para pagar as contas mensais.

A saúde não abunda, não há dinheiro para comprar fármacos e a carência de nutrição motiva mais problemas.

Isaura tem vergonha de pedir ajuda, apenas e só, porque não quer incomodar.

O pior é quando falta a comida, o que acontece várias vezes ao longo do mês, e a alimentação é à base de batata e couve, aquilo que a terra vai dando.

É também preciso fazer pequenas obras, para que o frio do inverno não invada os seus dias.

Com um brilho nos olhos de esperança por melhores dias, Isaura não abdica de ir trabalhar para o campo, a guardar o gado que não lhes pertence e que na hora de vender, o dinheiro é para dividir com o proprietário.

E é com fé que vai ultrapassando as angústias do dia-a-dia.

Numa altura em que se fala tanto da necessidade de despertar consciências para a existência de casos de pobreza extrema, ninguém deveria ficar indiferente ao facto de haver quem viva em plena miséria, sem uma casa de banho digna.

Este é apenas um, dos muitos casos de pessoas que vivem em condições sub-humanas e de profunda miséria.”